O que são doshas no Ayurveda?

Quando o Ayurveda foi trazido da Índia para o Ocidente, muitos conceitos dessa ciência milenar foram sendo confundidos ao longo do tempo. E um deles é o que são os doshas.

Prefere ouvir o podcast? É só dar o play!

Quando o Ayurveda foi trazido da Índia para o Ocidente, muitos conceitos dessa ciência milenar foram sendo confundidos ao longo do tempo. E um deles é o que são os doshas.

A palavra dosha vem da raiz dush, que significa desequilíbrio, impureza. Portanto, dosha significa aquilo que gera desequilíbrio. Mas ele gera desequilíbrio em quê? E qual a importância dos doshas dentro do Ayurveda?

Dosha: aquilo que gera desequilíbrio

Eu já te falei que dosha é aquilo que gera desequilíbrio, certo? Mas por que isso acontece?

Basicamente, os doshas são responsáveis por todas as funções fisiológicas do organismo humano. Se você respira, digere, metaboliza, se move, é por causa dos doshas.

E como tudo que está em constante movimento, que influencia e é influenciado por fatores externos, a tendência é que eles sofram variações.

Quando essas variações são pequenas e os doshas voltam ao seu estado normal rapidamente, não tem problema. Por exemplo, quando você pratica uma atividade física, a tendência é que Vata dosha agrave. Mas depois que você descansa, ele volta ao seu estado normal.

O problema é quando o dosha desequilibra e permanece desequilibrado, pois aí ele desequilibra os tecidos do corpo (dhatus) e pode levar à doença.

Quais são os doshas, afinal?

O capítulo 1 do Ashtanga Hrdayam, um livro de 1500 anos, mais ou menos, diz claramente que existem cinco doshas: três doshas do corpo e dois doshas da mente. Os doshas do corpo são Vata, Pitta e Kapha. Já os doshas da mente são Rajas e Tamas.

Quando estão equilibrados, esses doshas dão sustentação ao seu organismo, mantendo a sua saúde. Por outro lado, quando eles não estão equilibrados, podem destruir a sua saúde. Por isso, o maior objetivo do Ayurveda, em termos práticos, é manter os doshas equilibrados para que você tenha saúde e longevidade.

Quais são as características dos doshas?

Cada dosha possui qualidades ou características, que nós chamamos de gunas. Saber quais são essas qualidades é fundamental para que você entenda o que pode aumentar ou diminuir cada dosha no seu organismo.

Além das qualidades, eles também possuem funções específicas no organismo, que são mencionadas no capítulo 11 do Ashtanga Hrdayam.

Gunas  e funções de Vata dosha

Os gunas de Vata dosha são: seco, leve, frio, áspero, sutil e móvel. Pode parecer meio abstrato, mas na verdade é muito prático. No Ayurveda, a gente sempre tenta olhar e entender o mundo por meio das qualidades das coisas. E a gente sabe que características iguais tendem a somar.

Mas pensa comigo. Se Vata dosha é seco e frio e você está em um ambiente seco e frio, como numa sala com ar condicionado ligado, qual é a tendência de Vata dosha? A probabilidade é de que ele aumente no seu corpo. A gente diz que o Vata ficou agravado. Então o Vata, por ser de qualidade seca e fria, agrava quando a pessoa fica exposta à secura ou ao frio. 

Estou simplificando, para você pode dar seus primeiros passos no mundo de complexidade que é o Ayurveda.

Agora, se você já está com Vata dosha agravado e quer apaziguar ele, é só pensar o contrário: se ele é frio e seco, você precisa de um ambiente quente e úmido. Faz sentido para você? Essa é a base do raciocínio clínico no Ayurveda. Claro que de forma bem mais complexa, né?

Agora vamos falar das funções de Vata dosha. De acordo com o capítulo 11 do Ashtanga Hrdayam, que é uma ótima referência para iniciantes, as funções de Vata dosha são:

  • inspiração e expiração;
  • entusiasmo;
  • perseverança;
  • todas as atividades do corpo;
  • impulsos fisiológicos;
  • manutenção dos tecidos e órgãos dos sentidos em bom funcionamento.

Gunas e funções de Pitta dosha

Os gunas de Pitta dosha são: um pouco oleoso, intenso, quente, leve, mau-cheiroso, fluido e líquido.

Pensa numa pimenta. Quando você coloca na sua boca, ela é quente, intensa e, algumas vezes, tem um odor forte também. Essas são características de Pitta dosha. Isso significa que, se você comer pimenta com muita frequência, pode aumentar Pitta dosha no seu organismo e gerar um desequilíbrio.

A principal função de Pitta dosha no organismo é transformar tudo o que entra em contato com o seu corpo. Por isso, no seu estado natural, ele é fundamental para a sua digestão. Além disso, ele é responsável por:

  • regular a sua temperatura corporal;
  • promover uma boa visão;
  • produzir fome, sede e apetite;
  • compleição;
  • inteligência;
  • coragem;
  • disposição;
  • maciez da pele.

Gunas e funções de Kapha dosha

Os gunas de Kapha dosha são: oleoso, frio, pesado, lento, macio, viscoso e estável. E quais são as funções de Kapha dosha? Ele promove:

  • lubrificação;
  • estabilidade;
  • compactação para as articulações do corpo;
  • reduz o atrito entre as articulações;
  • paciência;
  • resiliência;
  • tolerância.

Uma vez que você entende como essas funções acontecem no seu corpo, fica muito mais fácil navegar pelo conhecimento do Ayurveda sem ficar se preocupando se você é Vata, Pitta ou Kapha.

Também fica mais fácil identificar o que pode estar desequilibrado no seu organismo e buscar formas de reencontrar o equilíbrio, seja por meio da alimentação, do sono, do movimento ou silêncio, que eu chamo de 4 Pilares da Saúde.

Gunas e funções de Rajas e Tamas

Rajas é o agito, tem muito a ver com a iniciativa, com a motivação para fazer coisas. Tamas, por sua vez, é o princípio de inatividade, de letargia.

Você dorme à noite por causa da predominância de Kapha no corpo e Tamas na mente, por exemplo. Com base nisso, você pode perceber que os doshas do corpo interagem com os doshas da mente o tempo todo. 

Assim, um desequilíbrio de Vata dosha, por exemplo, pode levar ao aumento de Rajas. Da mesma forma, um desequilíbrio de Kapha dosha pode aumentar a atividade de Tamas.

Qual a importância dos doshas dentro do conhecimento do Ayurveda?

Os doshas são a forma pela qual o Ayurveda entende as funções do corpo humano e a relação entre elas. A partir dessa perspectiva, a gente pode entender melhor como nossos hábitos e comportamentos influenciam a nossa saúde e agir de forma mais proativa para evitar problemas.

Se eu fosse falar tudo sobre os doshas aqui, a gente teria um novo Samhita. Mas como o espaço é curto e eu quero te entregar conteúdos que te ajudem a entender melhor o universo do Ayurveda de forma simples e prática, vou terminando por aqui.

Caso você queira saber mais sobre Ayurveda e os doshas, fica aqui o meu convite para você se inscrever no Curso Gratuito A Essência do Ayurveda 2.0.

Nessa nova versão, eu te entrego ferramentas simples e práticas para colocar as rotinas do Ayurveda no seu dia a dia e experimentar de verdade as transformações que essa ciência milenar pode promover na sua saúde e na sua vida.

Abraços e lembre-se sempre: SAÚDE É LIBERDADE!

Matheus

1 comentário em “O que são doshas no Ayurveda?”

  1. O Ayurveda tem mudado meu estilo de vida,principalmente entendendo um pouco sobre os doshas.Estou tentando mudar hábitos antigos,tenho 63 anos.Grata a vc Matheus por compartilhar esse conhecinento maravilhoso.🙏

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.